Buscar
  • dragisele

Quer mais energia para treinar? Entenda como funciona o seu relógio biológico!


Quando se trata de descobrir qual o melhor horário para treinar, não existe uma resposta única. Tudo depende de como funciona o relógio biológico de cada paciente.

Algumas pessoas têm mais energia para o treino nas primeiras horas do dia. Outras pessoas sentem que o corpo responde melhor aos estímulos da malhação à noite. Trata-se de uma questão individual. E quem determina boa parte dessa diferença é justamente o relógio biológico.


Por isso, entender como o relógio biológico funciona pode ajudar a ajustar os horários do dia reservados à prática esportiva para coincidir com os momentos de mais disposição, fazendo com que o rendimento no treino seja melhor.


Vamos dar uma olhada no que diz a cronobiologia, a ciência que estuda o relógio biológico e a forma como ele dita o ritmo do nosso metabolismo.


Saiba por que algumas pessoas são matinais e outras noturnas


Segundo a cronobiologia, cada pessoa tem um cronotipo diferente. Isso se deve, em parte, às características genéticas e à idade, as quais não podemos mudar. Mas, há outros fatores que influenciam a configuração do relógio biológico:

estilo de vida, especialmente no que diz respeito à alimentação e à qualidade do sono;

e a exposição a estímulos como luz e calor enquanto realizamos as diversas atividades do dia a dia.


Tudo isso influencia a forma como o nosso organismo funciona, desde a velocidade das reações químicas até a resistência do corpo à fadiga, impactando diretamente na nossa disposição para malhar.


A cronobiologia ensina que podemos adaptar nosso relógio biológico por meio de uma rotina disciplinada. Mas, por outro lado, também podemos adequar nossos horários para aproveitar justamente as características do nosso cronotipo.


Assim, quem tem mais energia logo ao acordar, deve preferir esse horário para treinar. Quem fica ligado até mais tarde da noite, deve escolher o período noturno como favorito para se exercitar.


E indo mais longe ainda, existem aquelas pessoas que ficam mais animadas logo no início da tarde, estendendo a disposição até as últimas horas de sol. Nesse caso, o período vespertino é o ideal para malhar.


O segredo está em se observar bem para saber como o seu relógio biológico funciona e transformá-lo em um grande aliado dos seus objetivos relacionados à prática esportiva.

20 visualizações0 comentário